Blitz News
Notícias
Entretenimento
Instagram está sendo hackeado por Russos

Contas no Instagram estão sendo hackeadas e ligadas a e-mails russos

Data: 14/08/2018

Uma falha no Instagram tem feito com que diversos usuários sejam hackeados e percam o acesso por causa da mudança de e-mail em suas contas. De acordo com relatos das vítimas, o e-mail é substituído por um com domínio russo.

Em seguida, também são alterados o nome de usuário, a foto de perfil e o celular associado à conta. A ideia é remover todos os meios que permitiriam a realização do processo de recuperação, forçando a pessoa a desistir da conta.

Para tentar retomar o acesso, vários usuários recorreram ao Twitter e perguntaram ao Instagram como resolver o problema. A rede social afirma que não registrou nenhum indício de ataque, mas a frequência das mensagens diz exatamente o contrário.

Mashable lembra que, somente em agosto, o Instagram já recebeu cerca de 800 mensagens com a palavra “hack”. Em comparação, em todo o mês de julho, foram apenas 40 tweets com o mesmo termo.

Ainda não há informações sobre como os ataques estão sendo realizados. O que é possível saber é que eles conseguem acesso a praticamente qualquer conta. A maioria dos usuários não tinha autenticação de dois fatores, mas isso não é uma limitação para os hackers.

Uma das vítimas, o usuário Chris Woznicki, habilitou o recurso de segurança, e também foi hackeado. Ele diz que recebeu uma mensagem do Instagram informando que o e-mail de sua conta havia sido alterado para o domínio russo e que a autenticação de dois fatores estava desabilitada. Quando ele notou o aviso, já era tarde: não tinha mais acesso à sua conta.

Até agora, não há uma conclusão sobre qual o interesse dos hackers. Ao contrário do que costuma acontecer nesse tipo de caso, as fotos antigas ainda estão salvas e não há nenhuma publicação nova. O objetivo, a princípio, é simplesmente impedir a recuperação ao alterar os dados pessoais.

O Instagram afirma que possui um processo específico para essa situação. “Quando tomamos conhecimento de uma conta que foi comprometida, excluímos o acesso e as pessoas que foram afetadas passam por um processo de correção para que possam redefinir sua senha”, diz a rede social ao Mashable.

Apesar disso, o processo não tem sido tão simples. Alguns usuários de fato conseguiram recuperar o acesso, mas outros afirmam que tiveram vários problemas. Eles relatam que as mensagens os direcionam para páginas que não existem mais e que os e-mails não levam a lugar nenhum.

Esse tipo de acontecimento não deveria ocorrer mais no Instagram. Com cerca de um bilhão de usuários, a rede social deveria ter uma proteção maior contra essa prática. Não está claro qual o meio usado para invadir a conta e qual a escala do problema. De qualquer forma, vale a pena revisar a área de segurança do seu perfil.

Galeria de Fotos

Publicidade