Blitz News
Notícias
Esporte
O que Brasil precisa para passar ir a próxima fase

Saiba o que o Brasil precisa para passar em 1º lugar no grupo da Copa

Data: 22/06/2018

O Brasil chegou aos quatro pontos no Grupo E com a vitória suada por 2 a 0 sobre a Costa Rica, nesta sexta-feira (22), e terminou o dia como líder da chave. Após a virada da Suíça sobre a Sérvia por 2 a 1, também nesta sexta, brasileiros e suíços empataram em pontos, mas a seleção nacional tem dois gols de saldo contra apenas um dos europeus. O dia foi bom, mas a seleção brasileira não pode vacilar sob pena de voltar para casa mais cedo.

Depois do encerramento da segunda rodada do grupo, o Brasil ainda não se garantiu nas oitavas de final da competição. O time comandado por Tite e que tem no craque Neymar, que chorou em campo após o jogo, precisa de pelo menos um empate contra a Sérvia, na próxima quarta-feira, às 15 horas (horário de Brasília), na Arena Spartak, em Moscou, para consolidar a classificação.

Se o Brasil vencer a Sérvia

Com a vitória, o Brasil chegaria aos sete pontos e estaria nas oitavas independentemente do que ocorrer no duelo entre suíços e costarriquenhos, que se enfrentam em Novgorod, também na quarta, às 15 horas. Além disso, os brasileiros só não seriam líderes se a Suíça vencesse os costarriquenhos por goleada.

Se o Brasil empatar com a Sérvia

Já em caso de empate, os brasileiros subiriam para cinco pontos e os sérvios terminariam a primeira fase com quatro. Tal resultado classificaria o Brasil, mas o deixaria na dependência da partida entre Suíça e Costa Rica para definir a posição na chave.  

A Suíça poderia ir a sete pontos com o triunfo sobre a Costa Rica e vencer o grupo. Na hipótese da igualdade, o saldo de gols ou até mesmo o número de cartões amarelos — critérios de desempate — podem definir as posições entre brasileiros e suíços.

Se o Brasil perder da Sérvia

O Brasil está em uma boa posição no grupo, mas uma derrota pode ser fatal. Neste caso, a Sérvia chegaria aos seis pontos, a seleção brasileira ficaria com quatro e dependeria da vitória da Costa Rica para se classificar na segunda colocação. A Suiça, com um empate, avançaria para cinco pontos e eliminaria o Brasil do Mundial.

Emparelhamento nas oitavas de final

Além das contas para passar às oitavas, há outra ponto a ser considerado pela comissão técnica do Brasil em relação ao futuro na Copa do Mundo. De acordo com o chaveamento programado pela Fifa, as seleções do grupo do Brasil enfrentarão os classificados do Grupo F, que tem Alemanha, México, Suécia e Coréia do Sul — o primeiro de um grupo pega o segundo do outro.

Os alemães, que perderam na estreia para o México, pegam a Suécia neste sábado, às 15 horas, em Sochi. Uma derrota poderia complicar as contas da Alemanha para se classificar ou, no mínimo, tirar dela a chance de passar em primeiro lugar.

Assim, com o Brasil em primeiro e a Alemanha em segundo nas respectivas chaves, poderíamos ter uma eliminatória entre as seleções finalistas da Copa de 2002 — vencida pelo Brasil por 2 a 0, em Yokohama, no Japão —, que juntas possuem nove títulos mundiais.

Em outra conjectura, ainda com o Brasil em primeiro no grupo, o adversário poderia ser Suécia — rival na final de 1958 e na semi de 1994 — ou até mesmo o México, adversário na fase de grupos da Copa de 2014 — empate em 0 a 0, no Castelão, em Fortaleza.

Publicidade