Blitz News
Notícias
Notícia
Desenvolvedora é processada devido ao fiasco

Desenvolvedora é processada devido ao fiasco do Pokémon Go Fest

Data: 28/07/2017

Embora tenha devolvido o valor do ingresso comprado por quem compareceu ao Pokémon Go Fest, a Niantic está sendo processada por dezenas de pessoas que tiveram prejuízos maiores por causa do primeiro evento oficial de "Pokémon Go".

O advogado Thomas Zimmerman, de Chicago, contou ao Polygon ter sido contatado por Jonathan Norton, da Califórnia, pedindo representação para entrar na Justiça contra a desenvolvedora. Desde então, diz o advogado, outras "20 ou 30" pessoas se uniram ao caso, que se tornou uma ação coletiva.

Essas pessoas têm em comum o fato de que tiveram de viajar por causa do evento. "A Niantic não está se oferecendo para ressarcir as despesas de viagem de pessoas que vieram a Chicago", reclamou Zimmerman. "A maioria das pessoas veio de fora do estado, muitas pessoas, de outros países — falei com uma que voou do Japão."

Quase 20 mil jogadores compareceram ao Pokémon Go Fest na intenção de participar de uma caçada coletiva a pokémons raros e de batalhas, e também para conferir a estreia de mecânicas até então inéditas no game. Só que os presentes não conseguiam se conectar aos servidores e quem conseguiu se deparou com bugs.

Como compensação, a desenvolvedora devolveu o valor dos ingressos e distribuiu bônus de US$ 100 para serem gastos dentro do jogo, mas não falou nada sobre quem teve de viajar. Em nota ao Polygon, um porta-voz afirmou que a "Niantic não comenta sobre questões legais pendentes".

Fonte: olhardigital.com.br

Publicidade