Blitz News
Notícias
Notícia
Prefeitura recebe doação da Receita Federal

Prefeitura recebe doação de aparelhos eletrônicos da Receita Federal

Data: 28/07/2017 Fonte: CG Notícias

Campo Grande, 27/07/2017 às 14:16

A Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação (Agetec), recebeu aparelhos eletrônicos, telefones celulares, equipamentos de informática e dois veículos, todos doados pela Receita Federal.

Os objetos foram destinados para atender uma solicitação da agência de tecnologia do município, que visitou o órgão no começo do ano e demonstrou as principais carências da prefeitura nessa área. “A tecnologia é essencial para diversos trabalhos que auxiliam o cidadão na sua qualidade de vida. Por isso, a Receita Federal prioriza as doações para lugares onde os objetos serão usados para dar suporte à população”, explica a assistente do gabinete da Delegacia da Receita Federal em Campo Grande, Mara Lourdes Silveira Jara.

Recebidos os itens pela agência, alguns já foram destinados a outras secretarias. Para a Sectur (Secretaria Municipal de Cultura e Turismo) e para a Planurb (Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano) foram doados projetores de imagem. A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) e a Semadur (Secretaria Municipal de Meio-ambiente e Gestão Urbana) receberam drones que irão auxiliar na vistoria e avaliação dos imóveis, bem como no sobrevoo a locais com possíveis focos de dengue.

A Diretoria Executiva de Comunicação recebeu um drone e aparelhos celulares, importantes para o desempenho das funções atreladas à pasta. Os carros passarão a auxiliar no suporte técnico que a agência de tecnologia oferece a todos os órgãos da prefeitura.

“A Prefeitura Municipal de Campo Grande é grata à Receita Federal, que no começo do ano prontamente nos recebeu através de seu superintendente, Dr. Edson Ishikawa. Ele entendeu as necessidades e não mediu esforços para nos auxiliar nesse momento em que as demandas tecnológicas crescem. Porém, as nossas prioridades passam pela necessidade de contenção de gastos e redução de despesas”, declarou o diretor-presidente da Agetec, Paulo Fernando Garcia Cardoso,.

As mercadorias doadas foram objeto de processos administrativos e judiciais, destinadas conforme previsão legal. As principais formas de destinação dessas mercadorias são doações a entidades de assistência social sem fins lucrativos, incorporação a órgãos públicos federais, estaduais e municipais, bem como a realização de leilões ou à destruição.

Publicidade